O lugar mais charmoso de Foz completou 117 anos

Os apaixonados pelo Marco podem comemorar a data publicando uma fotografia nas redes sociais com as hashtags #marcodastresfronteiras e #meudestinoéfoz

 

O Marco das Três Fronteiras, que está fechado para visitação turística neste mês de julho, como medida de proteção para conter o coronavírus, completa nesta segunda-feira, 20 de julho, 117 anos de história. O obelisco, que foi inaugurado no dia 20 de julho de 1903 – cerca de 11 anos antes da emancipação política da cidade de Foz do Iguaçu (PR) em 1914 –, ganhou, há cerca de cinco anos, R$ 30 milhões em investimentos do Grupo Cataratas, responsável pela gestão turística e transformação do atrativo.

 

 

O Marco é um daqueles lugares singulares no mundo. Em 2019, o atrativo atingiu a marca de um milhão de visitantes, desde sua reabertura, após passar por duas grandes revitalizações, sendo a primeira em 2015 e a segunda em 2016. Vale destacar que nesses períodos de repaginação o local teve a visitação encerrada ou parcialmente suspensa por alguns meses.

 

 

Importância dos marcos – O Marco das Três Fronteiras está localizado no encontro dos rios Paraná e Iguaçu, este que dá o nome à cidade de Foz. O monumento demarca a fronteira entre Brasil, Argentina e Paraguai, sendo reconhecido como um patrimônio histórico e cultural da região.

 

 

O marco argentino, que se situa às margens do Rio Iguaçu, foi inaugurado na mesma data. Já o marco paraguaio, que fica à margem direita do Rio Paraná, foi erguido anos depois, em 26 de janeiro de 1961. Os três, igualmente pintados com as cores nacionais, formam um triângulo que fixa o limite territorial e a soberania dos três países.

 

Acesso à comunidade – Morador de Foz do Iguaçu tem gratuidade para visitar o Marco das Três Fronteiras. O iguaçuense precisa apresentar um documento com foto e comprovante de residência na cidade para obter o benefício, conforme regulamento do atrativo. Para facilitar o acesso diário, o cadastro é digitalizado e tem validade de um ano. Todos os procedimentos de cadastramento e a retirada de ingresso dos iguaçuenses são realizados na bilheteria do Marco, instalada no Centro de Visitantes.

 

 

Potencial para continuar crescendo – Com opções de lazer para toda a família, o Marco é um atrativo imperdível de se visitar em Foz do Iguaçu. Se durante o dia o visitante tem a magia do encontro dos rios e a tranquilidade da natureza, no fim da tarde há o pôr do sol; e à noite, a vivência das atrações culturais, a iluminação e todo o encanto da fronteira.

 

 

Parceria público-privada – O sucesso do Marco das Três Fronteiras é resultado da concessão da Prefeitura de Foz do Iguaçu ao Grupo Cataratas, empresa fundada na cidade, no ano de 1999, e que desde 2015 é responsável pela revitalização e gestão do atrativo, colaborando para o desenvolvimento da economia e do turismo em Foz do Iguaçu.

 

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Marco das Três Fronteiras (@marco3fronteiras) em

 

Créditos das fotografias:
1 – Pôr do sol latino: Christian Rizzi / Marco das 3 Fronteiras
2 – Captações aéreas e dança tango: Marcos Labanca / Marco das 3 Fronteiras
3 – Encenação Cabeza de Vaca e obelisco à noite: Nilton Rolin / Marco das 3 Fronteiras
4 – Fim de tarde no restaurante e praças: Kiko Sierich / Marco das 3 Fronteiras

 

Informações para a imprensa
Wemerson
(45) 99991-2970
[email protected]
www.marcodastresfronteiras.com.br

Compartilhe com seus amigos:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Como você avalia este conteúdo?

Você também pode gostar ...

O lugar mais charmoso de Foz do Iguaçu proporciona uma das melhores e mais marcantes experiências na Terra das…
O Marco das 3 Fronteiras, o lugar mais charmoso de Foz do Iguaçu, registrou um crescimento gradual no movimento…
O Marco das 3 Fronteiras, local mais charmoso de Foz do Iguaçu, atenderá os visitantes durante o feriadão de…
Open chat